Postado segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Bananas is my business




google images


Manga, coco, caju, abacaxi, banana, maracujá...ufa! Não, não vou passar nenhuma receita para vocês, mas falar na Trend  que une cores vibrantes à vestimenta fresquinha e que é a cara da nossa terra! 

As cores que mais aparecem complementando a tendência são os tons de amarelo (trend alert total), laranja, azul e verde "bandeira", bem Brasil. 




Postado quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Surrealismo fashion

Salvador Dalí, Joan Miró, René Magritte e Elsa Schiaparelli devem estar festejando no céu! O surrealismo é forte influência fashion para o verão 2014!

Em termos de moda, sabe-se que os grandes Dalí e Cocteau desenharam estampas usadas nas criações bem-humoradas de Schiaparelli (vale lembrar do vestido "Lagosta", do vestido "esqueleto" e do vestido de noite "Lágrimas"), que inovava com estampas de partes do corpo humano, crustáceos e insetos.

O surrealismo na moda teve sua marca em 1930, e visava além da expressão artística, explorar o inconsciente humano, indicando que em se tratando do nosso imaginário, as possibilidades são ilimitadas.

Segundo o livro 100 anos de moda de Cally Blackman: 

" O uso de imagens surrealistas atingiu o auge quando Schiaparelli colaborou com Salvador Dalí. Ele criou o tecido para o famoso vestido Tear, desenhado para dar a ilusão de carne animal rasgada em forma de lágrimas, e a estampa de lagosta (lobster, em inglês) (...) Os sapatos decorados com pelo de macaco criados por Schiaparelli são ao mesmo tempo perturbadores e eróticos (o pelo em contato com a pele é um recurso artístico carregado de erotismo há séculos), na melhor tradição do movimento surrealista. Ela também desenhou luvas com unhas de pele de cobra vermelha, um véu decorado com cachos de cabelo azuis e um chapéu em forma de sapato"

Voltando para o tempo atual, o surrealismo invade o mundo fashion com muito olho grego (Hello Kenzo!). A marca Triya traz para o Brasil essa forte trend com uma coleção inspirada em Helmut Newton. A designer Camila Klein também lança itens nessa vibe.






Fonte: Google images

Postado quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Primo pobre x Primo rico

Olá Dhyvas! Tudo bem?

Vocês certamente já ouviram falar do Chubby Stick da Clinique, certo? É aquele batom de formato parecido com um lápis de cera e que é super fácil de aplicar! A Eyeko também tem um desses (aliás eu tenho um da Eyeko, pena que essa marca não vende mais na sephora).

Bom, no final de semana passado, eis que surge minha mãe com um lápis-batom na mão dizendo que tinha encomendado na revistinha da Avon, mas o tom não sobressaiu na sua boca (minha mãe é morena e ela pediu um nude beeeem cor de pele) e perguntou se eu queria. Lógico que aceitei e logo veio à minha mente a semelhança com o Chubby da Clinique.

Nunca usei o lápis-batom da Clinique, até porque não sou muito fã de usar batons, prefiro investir em produtos que "fazem a pele", mas foi inevitável a comparação, ainda que apenas pelo conceito desse batom. 

Testei no dia mesmo o Ultra Color Lip Crayon Batom Lápis (poxa Avon, não podia simplificar o nome não? Parece nome de produto tabajara hehe enfim). 

Fiquei feliz com o resultado: facilidade de uso e ótima fixação! 

O chubby da clinique custa 89 dilmas e o Crayon da Avon 22,99 dilmas. Quem tá com orçamento apertado ou quer experimentar a proposta de um produto desses sem gastar os tubos, vale apostar no da Avon!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...